Melbourne

Melbourne

Melbourne

Depois de aprovado no Ciência Sem Fronteiras, tive apenas a opção de escolher a Austrália como país, porém a cidade em que eu iria, ficaria a cargo da LAE decidir, passei alguns dias na tensão em não saber para que lugar eu seria enviado, cheguei até cogitar Queensland ou Sydney e acabei sendo alocado em Melbourne, garanto que não era minha primeira escolha, talvez porque eu pesquisava muito sobre Sydney mas depois de alocado e pesquisando tudo sobre Melbourne foi paixão à primeira vista! Hoje percebo claramente que eu não escolhi Melbourne, foi Melbourne quem me escolheu!

Então aí vão alguns motivos do porquê escolher Melbourne…

Melbourne é a capital do estado de Vitória e a segunda cidade mais populosa da Austrália. Durante a corrida do ouro em 1850, ela se tornou uma das maiores e mais ricas cidades do mundo. Algumas vezes, Melbourne é chamada de a “capital cultural da Austrália” e é o local de nascimento do cinema, da televisão, da arte, da dança e da música australiana. O entusiasmo da população de Victoria pelo esporte também é lendário e foi aqui que o Futebol Australiano começou.

Classificada consistentemente como uma das três melhores cidades habitáveis pela Unidade de Inteligência Econômica, a qualidade de vida de Melbourne é a inveja do mundo.

Melbourne tem uma comunidade multicultural, artes, comida e vinho surpreendentes, melhor local de compras da Austrália e uma diversidade de oportunidades esportiva e de lazer.

A cidade tem um clima temperado com as quatro estações do ano distintas. Apesar de poder ter um verão bem quente, as brizas costeiras e uma mudança fresca estão sempre próximas. É um clima perfeito para uma variedade de esportes ao ar livre e atividades de lazer.

Em 2010, Melbourne foi nomeada a Cidade de esporte mais Moderna do mundo, a frente de Singapura, Londres, Berlin e Sydney pela terceira vez consecutiva.

Melbourne se sobressaiu devido a suas realizações importantes recebendo grandes eventos anuais, e elogiada por suas excelentes instalações, muito apoio e planejamento do governo, e clima.

Uma história multicultural

Melbourne e Victoria possuem uma longa história de imigração de todas as partes do mundo. Nossa comunidade chinesa local se estabeleceu primeiramente na corrida do ouro na década de 1850. A imigração indiana começou no final do século 19; uma onda de imigrantes britânicos chegou nas décadas de 1920 e 1930; já os imigrantes da Itália, Grécia, Malta, Croácia e Turquia chegaram nas décadas de 1950 e 1960.

Estado e cidade multiculturais

Hoje em dia, aproximadamente metade da população nasceu no exterior ou possui um familiar que nasceu no exterior. Mais de 230 idiomas e dialetos são falados. A diversidade cultural faz parte do dia-a-dia e é celebrada.

Para os estudos:

Melbourne é o melhor lugar na Austrália para estudantes internacionais!

Melbourne foi classificada em quarto lugar entre as principais destinos para estudos no mundo. Melbourne ocupou o quarto lugar a seguir a outras grandes cidades para estudos internacionais – Paris, Londres e Boston.

O ranking da organização QS sediada em Londres foi baseado em 12 critérios chave. Estes incluiram a qualidade de vida, o número de universidades com ranking internacional, a porcentagem de estudantes estrangeiros e o custo de vida.

A Ministra do Governo de Victoria, Louise Asher, disse que este ranking coloca Melbourne à frente de todas as outras capitais australianas como sendo o melhor lugar para estudantes internacionais.

“O Governo de Victoria congratula-se com a comunicação de que Melbourne obteve um ranking tão alto como destino de estudo global e refere que Melbourne já foi nomeada a cidade mais agradável do mundo para viver.”

Melbourne superou as outras capitais australianas e muitas das melhores cidades do mundo baseado em fatores incluindo o prestígio das nossas instituições educacionais, diversidade e grande empregabilidade dos graduados.

“Sei que as dezenas de milhares de estudantes estrangeiros que vem para estudar em nossas universidades, ou em nossas instituições de ensino da língua inglesa e treinamento em habilidades, têm uma experiência muito positiva em Melbourne, “disse a Ministra Asher.

A Ministra Asher disse que enquanto os estudantes dispendem tempo valioso ganhando qualificações para construir grandes carreiras, eles podem desfrutar da nossa comunidade cosmopolita acolhedora, arte excepcional, cozinha mundial, melhores centros comerciais australianos e excelentes oportunidades esportivas e de lazer.

Espaço para respirar e jogar

Melbourne é a cidade jardim da Austrália, com a natureza sempre por perto. Inevitavelmente se encontra um parque bem cuidado ou um campo esportivo próximo de casa.

Melbourne tem uma grande rede de trilhas ciclísticas atravessando a região central, a costa e o cerrado.

Os destinos únicos e variados de acordo com a região em Victoria incluem as costas, praias virgens, parques nacionais, lagos e montanhas. Esqui, pesca, escaladas, caminhadas e vinícolas estão disponíveis em passeios diários. Melbourne tem cinco distritos de vinho apenas 1 hora de distância.

Crianças

Melbourne é o lugar ideal para criar os filhos. Existem excelentes escolas particulares e públicas, oferecendo uma vasta variedade de escolha – nosso sistema educacional é o quinto de acordo com o Fundo das Crianças das Nações Unidas (UNICEF).

Três zoológicos, um aquário, mais ícones urbanos como a fazenda de Crianças de Collingwood e o Jardim de Crianças de Ian Potter são lugares maravilhosos para aproximar as crianças da natureza e dos animais.

Alimentação

Assim como a fusão nascida local das melhores cozinhas do mundo, Melbourne se gaba de um café ou restaurante – algumas vezes um distrito inteiro – das quase 200 ou mais nacionalidades que ali vivem.

Pode-se encontrar um gostinho de casa em todo lugar. Vietnamita em Richmond e Footscray, Italiana em Lygon Street Carlton, comida do Meio Oriente em Brunswick, Chinatown na região central, a região grega em Lonsdale Street, e rotisserias e restaurantes do leste europeu nos bairros sudoeste.

Mercados ao ar livre como o Victoria Market na região central, e Footscray, Praham e Preston são lugares maravilhosos para se visitar e se encher de ar puro e comidas de rotisseria, e simplesmente mergulhar na atmosfera e experimentar um pouco do café excelente de Melbourne.

7 comentários sobre “Melbourne

  1. Oi, pode me dizer porque ao passar no CSF você só tinha como opção a Austrália? é que sou caloura de vet e comecei a pesquisar isso agora… poderia me ajudar? Obrigada!

    • Oi Jhenyfer,

      Pelo Csf você tem várias opções de países, entratanto na minha chamada tivemos um problema com a Inglaterra, como os outros processos já estavam adiantados não restou vaga para outros países, como existiam bolsas para a Austrália, podíamos escolher vir na época que vim ou esperar 6 meses e ir para outro país! Acabei vindo pra Austrália, sem pensar mesmo e não me arrependo…

      Abraço

  2. Opa! Curti muito seu blog. E agora to numa dúvida muito grande sobre Melbourne, pois assinei um contrato de intercâmbio para a Nova Zelândia e agora pesquisando sobre Melbourne fiquei realmente em dúvida sobre para onde ir. Um amigo que esta na Nova Zelândia me disse esses dias que o custo de vida lá está muito caro, e que a maioria dos brasileiros estão sem dinheiro para as atividades de lazer, viajar e conhecer os outros lugares devido a esse alto custo. Eu queria saber através de você como funciona em geral o custo de vida em Melbourne, pois ouvi falar que é mais barato que nas demais regioes da Austrália, e se realmente vale a pena eu deixar de ir para a Nova Zelândia, olhando por um lado econômico. O que ouvi falar é que a diferença não é assim tão grande, mas ao mesmo tempo penso que por a Nova Zelândia ser um lugar menos populoso as variedades e oportunidades sejam mais escassas, mesmo em Auckland que é onde eu ficaria. Queria saber por você como funciona isso e qual a sua opinião. Desde já meu muito obrigado!

    • Olá Rafael,

      Obrigado pelo seu comentário.

      Espero não deixar você mais confuso ainda…

      Estive 2x em Auckland e realmente adorei a cidade entretanto, achei lá um pouquinho parado em relação a Melb. Essa questão de oportunidade ficou visível quando eu comecei a andar pela cidade e não ver as placas de “precisamos de pessoas para trabalhar” como em Melbourne. Era domingo, 5h da tarde e Auckland estava fechada e diferente de Melbourne, haviam poucos restaurantes.

      Melb é a capital mundial da cultura, do café e primeira cidade no mundo para se viver, é um dos lugares que mais existe bares e cafés justamente pela “cultura” do café que eles tem, nesse caso, se você estiver procurando por oportunidades de trabalho, certamente Melbourne é a melhor escolha.

      Conheço poucas pessoas que ficaram sem trabalhar lá, se realmente você procurar algo, você vai achar. Quanto ao tamanho, Melbourne é bem maior que Auckland tanto em população quanto em estrutura, nesse caso você terá uma diversidade enorme para trabalhar.

      Quanto culturalmente, $ é o que menos se gasta, já que existem diversas oportunidades de entretenimento gratuita. Na minha opinião a Austrália perde e não por muitos pontos para NZ em termos de natureza, beleza e esportes radicais, mas o fato de estar na Austrália não vai lhe fazer aproveitar menos essas coisas que na NZ, a Austrália tem lugares incríveis também.

      Quanto aos preços, SIM! Melbourne é cara em relação a Auckland, principalmente em termos de transporte e alimentação, contudo o salário australiano é um pouquinho maior que na NZ, e tudo acaba se compensando. Sem querer lhe direcionar erroneamente, creio eu que na Austrália (Melbourne) as oportunidades de trabalho serão melhores, isso vai depender do seu inglês. Há! A comunidade brasileira é bem menor também.

      Espero ter ajudado,

      • Ivan você ajudou muito com a resposta! Toda pesquisa parece ser nada diante da opinião de quem mora e vive isso. Pelo que entendi então Melbourne é mais cara do que Auckland, mas ainda sim seria uma opção mais viável do que Sydney? O fato de conseguir empregos de uma forma mais fácil já me chama muita atenção e concordo com voce que, mesmo que fosse um lugar mais caro ainda sim valeria mais a pena do que Auckland. E mais uma dúvida: ouvi falar muito bem de Brisbane, voce sabe algo sobre lá? Muito obrigado pela primeira resposta, e se puder me esclarecer mais estas dúvidas vou ser muito grato!

      • Cara, então eu acho Melbourne viável sim, mas em Sydney há muitas oportunidades tbm. Sim, Melbourne é mais cara que Auckland mas ganha-se mais lá tbm…

        Quanto à diferença entre Sydney e Melbourne existe uma pequena “richa”entre essas duas cidades, hahaha. Quem gosta de Melb sempre vai dizer que Melb é boa e quem gosta de Syd vai sempre dizer que lá é melhor que Melb, eu visitei Syd por alguns dias e não gostei, o lugar é super bonito para visitar, mas para viver achei bem desorganizado, opinião pessoal.

        Quanto à Brisbane ouvi falar bem de lá mas geralmente as oportunidade melhores são em altas temporadas junto à Gold Coast e a rede hoteleira, mas a disputa parece um tanto acirrada em baixa temporada, além do mais acho que lá concentra-se mais brasileiros que em qualquer outro lugar da Austrália.

  3. Ah sim, muito boas essas informações! As dúvidas aqui nao param de surgir haha. Hoje conversei mais de 1 hora com um amigo que está em Auckland e pelo que me parece as coisas lá estao Muito caras, e até arriscaria dizer que viver na Austrália está mais barato que lá. Outra questao que ouvi falar sobre Melbourne é que pelo fato de ser um grande ponto turístico as coisas tendem a ser mais caras. Isso influencia muito mesmo?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s